Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Formandos da 1ª turma de Física são aprovados em programas de Mestrado

Publicado: Quinta, 05 de Dezembro de 2019, 21h30 | Última atualização em Quinta, 05 de Dezembro de 2019, 21h35 | Acessos: 1037
Milla (Unesp), Eduardo Albacete (UFABC), Eduardo Gonçalves (coordenador do curso), Lucas Gastaldon (UFLA e UFV) e Ivan Cruz (INPE)
imagem sem descrição.

Formandos colarão grau no dia 7 de fevereiro de 2020


Eduardo Albacete, Lucas Biasi Gastaldon, Ivan Toucêdo Cruz e Milla Cuervo Tarôuco ingressaram em 2016 no IFSP para cursar Licenciatura em Física na primeira turma do câmpus Votuporanga. Depois de quatro anos de dedicação, apresentaram trabalho de conclusão de curso no mês de novembro e comemoram a aprovação em programas de mestrado em universidades públicas, impulsionando os resultados do curso.

O professor Eduardo Rogério Gonçalves, coordenador do curso, manifesta satisfação com as aprovações e frisa que os esforços realizados pela instituição visam a posicionar o curso como referência regional na formação de professores de nível excelente na área de Ciências Exatas. "É um orgulho imenso ver os alunos saindo do curso e já entrando em programas de pós-graduação em nível de mestrado. Sinal de um trabalho muito sério feito por eles e pela instituição", comemora.

Na avaliação do professor Marcos Amorielle Furini, Diretor-Geral, o combo de aprovações é fruto do engajamento dos estudantes e dos servidores na oferta de Educação Pública de Qualidade. O gestor também salienta que a oferta de cursos de licenciatura está na missão dos Institutos Federais. "Considerando o contexto de desvalorização da carreira de professor, mantemos o foco e sabemos da nossa responsabilidade na formação de educadores para o Brasil", crava.

 

Milla, a esquerda, acompanhada de Ivair de Amorim (orientador), Eduardo Gonçalves e Anna Isabel Saraiva, após a apresentação do trabalho "A Aprendizagem Significativa e o Ensino de Física: Uma Análise de Materiais Didáticos do Ensino Médio"

Milla Tarôuco foi aprovada no Programa Nacional de Mestrado Profissional em Ensino de Física (MNPEF) para o polo Unesp Presidente Prudente, na área de concentração "Formação de professores de Física em nível de mestrado", dentro da linha de pesquisa "Processos de Ensino de Ensino e Aprendizagem e Tecnologias de Informação e Comunicação no Ensino de Física". A formanda conta que participou de 3 (três) Iniciações Científicas ao longo da graduação, o que considera um diferencial para sua formação e para o ingresso no mestado. As aulas na Unesp começam dia 6 de março. Ao todo, o MNPEF articula 63 polos país afora.

 

Lucas (segundo a partir da esquerda), ao lado de Alexandre César Neves e, a direita, Bruna de Lima (orientadora) e Josimar da Silva, após apresentar o trabalho "Contextualidade em Mecânica Quântica"

Já Lucas Gastaldon escolheu o estado de Minas Gerais para seguir os estudos. O resultado preliminar do processo seletivo do Programa de Pós-Graduação em Física da Universidade Federal de Lavras (UFLA) foi publicado no dia 25 de novembro e seu nome consta no 1º lugar, tendo sido decisiva a nota do Exame Unificado de Física (EUF). O resultado final deve ser publicado no dia 20 deste de dezembro. A linha de pesquisa pretendida é a de Física da Matéria Condensada.

O formando também comemora o resultado do processo seletivo da Universidade Federal de Viçosa (UFV), que saiu nesta quinta-feira, 5 de dezembro. Está aprovado Programa de Pós-Graduação em Física, que utilizou a nota do Exame Unificado de Pós-Graduações em Física (EUF) e analisou Histórico Escolar e currículo. 

 

Ivan Cruz (segundo a partir da esquerda), ao lado de Alexandre César Neves e, a direita, Eduardo Gonçalves (orientador), Márcio Constâncio e Ivair de Amorim, após apresentação do trabalho "Espectroscopia Sonora e Intensidade Relativa na Análise Acústica de Violino com Cavalete Alterado"

No dia 28 de novembro, Ivan Toucêdo Cruz recebeu a notícia de que está aprovado no Programa de Pós-Graduação em Geofísica Espacial do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), instituição que visitou recentemente com as turmas do curso. O formando também está concorrendo em mais dois programas de pós-graduação: Programa de Pós-Graduação em Ciência dos Materiais da Unesp em Ilha Solteira e o Programa de Pós-Graduação em Física da UFPR, em Curitiba.

 

Eduardo Albacete (a direita), ao lado de Josimar da Silva (orientador) e Márcio Constâncio, apresentou o "Estudo de Geodésicas na Solução de Schwarzschild"

Eduardo Albacete está aprovado no Programa de Pós-Graduação em Física da Universidade Federal do ABC (UFABC) e dia 9 de dezembro fará prova do processo seletivo do Programa de Pós-Graduação em Astrofísica do INPE. O formando também está participando da seleção do Programa de Pós-Graduação em Física da UFPR.

Na UFABC, a pesquisa terá como tema geodésicas em espaço-tempo curvos, na área de Relatividade Geral e Gravitação.

 

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página